Servidores e centrais sindicais debatem contraproposta da categoria ao governo nesta terça-feira (30/1)

Nesta terça-feira (30/1), entidades representativas dos servidores públicos federais participam da Plenária Nacional da Bancada Sindical dos Servidores Públicos Federais com centrais sindicais em Brasília. Na ocasião os servidores devem reforçar a contraproposta unificada da categoria ao governo federal. A contraproposta foi elaborada nas últimas semanas com a participação de representantes de vinte e dois estados e do Distrito Federal.

Confira abaixo os principais eixos da contraproposta:

-Equiparação dos benefícios do Executivo com os dos outros poderes;
-Proposta econômica construída pela bancada sindical e o Dieese de remuneração que contempla todos os servidores ativos, aposentados e pensionistas para os períodos de 2024, 2025 e 2026;
-Defender junto ao governo federal a implementação no serviço público do DESENROLA para os servidores;
-Defender a Auditoria da Dívida Cidadã;
-Revogação imediata da contrarreforma da Previdência;
-Revogação de todas as medidas e regramentos infraconstitucionais do desgoverno Bolsonaro;
-Lutar pela implementação da data base dos servidores no dia 1º de maio;
-Construção de memorial sobre os servidores intoxicados da ex-Sucam;
-Organização de nova plenária nacional dos servidores da Funasa;
-Orientação para entidades representativas continuarem realizando assembleias por local de trabalho sobre a campanha salarial de 2024, e organizar a participação na marcha a Brasília programada, a princípio, para o mês de Maio de 2024;
-Contra o massacre do povo palestino na faixa de gaza;
-Moção de apoio e solidariedade a greve dos trabalhadores (as) Argentinos. (Com agências)

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *